30 de junho de 2012

OS TESOUROS DA IGREJA CATÓLICA

DOMINGO - DIA 1º DE JULHO

Quando paramos para penetrar com a inteligência e o coração no mistério maravilhoso da Igreja de Jesus Cristo, a nossa querida Igreja Católica, não podemos deixar de descobrir, admirar e nos encantar com sua riqueza divina e humana, bem como com seus tesouros espirituais de valor incalculável e eterno.

A Igreja é divina e humana. Se, por um lado, a Igreja é constituída de pessoas humanas, e onde há ser humano há sempre a possibilidade da fraqueza, do erro, da miséria e do pecado, por outro lado, há o aspecto divino da Igreja, mostrando sua santidade e seus tesouros, dons gratuitos do próprio Deus. Todos esses dons divinos são sempre destinados ao próprio ser humano, a fim de que possa glorificar o seu Deus-Trindade, e ao mesmo tempo, para que ele possa ser libertado, salvo, convertido, purificado, elevado e enriquecido de vida, graça e santidade.
Deus-Trindade: O Maior Tesouro.
O maior de todos os tesouros da Igreja é o próprio Deus vivo, Uno e Trino. Na Igreja nós temos o Deus verdadeiro e único, que se revelou maravilhosamente como o Deus Amor, o Deus Trindade, o Deus que é Pai, é Filho-Jesus e é Espírito Santo. Possuímos o Deus que veio à nossa procura, que veio oferecer-nos sua amizade, que quis fazer uma aliança conosco, e nesta aliança, quer nos salvar de todos os nossos pecados e males, e ao mesmo tempo, quer nos fazer felizes e santos no amor.
O Pai. Na Igreja nós possuímos o amor de Deus Pai. Amor que nos criou, adotou-nos como filhos, deu-nos o seu próprio Filho como Salvador, e o seu Espírito para ser o nosso santificador. Que tesouro precioso é o Pai que nos adotou!
Jesus ressuscitado. Temos também Jesus vivo, ressuscitado, como irmão maior, como Salvador, como Pastor que nos conduz e nada nos deixa faltar; como caminho, verdade e vida; presente na Eucaristia, mas ao mesmo tempo caminhando conosco, ressuscitado e glorioso, para nos conduzir pelos verdadeiros caminhos verdade e da felicidade. Que tesouro precioso é Jesus!
O Espírito Santo. Temos o Espírito Santo, que habita em nossos corações, nos chama à conversão permanente, e realiza em nós o processo de santidade; que nos revela o Pai, nos confirma no amor e na obediência a Jesus, nos dá o amor para com os irmãos, nos revela as Escrituras, e opera em nós todas as graças de santificação. Que tesouro inestimável é o Espírito Santo!

Que tesouro maior poderíamos receber na Igreja do que a amizade e a aliança com o Deus Uno e Trino, bem como a certeza de seu amor, de sua salvação e santificação? Esse tesouro nós o possuímos por sermos Igreja.

A Revelação: Riqueza Preciosa
O Deus vivo nos presenteou com o grande tesouro da revelação divina. Por nós mesmos, pouco poderíamos saber da existência e da vida de Deus, do valor e do destino da vida humana, da realidade da vida eterna. Todos esses segredos maravilhosos nos foram contados, revelados e agraciados pela bondade de Deus. Que riqueza preciosa sabermos quem é o nosso Deus, como Ele é, quanto somos preciosos ao seu coração, quanto Ele deseja a nossa amizade, quanto quer nos fazer felizes. Que riqueza é o segredo a respeito de nossa existência: de onde viemos, quem somos e para onde vamos! Que tesouro é toda a verdade revelada por Jesus nos seus Evangelhos! Essa maravilhosa revelação divina nós a encontramos na Bíblia e na Tradição Apostólica. Tudo isso nós possuímos exatamente por vivermos na Igreja.

CONTINUA NA POSTAGEM SEGUINTE



OS TESOUROS DA IGREJA CATÓLICA

SEGUNDA FEIRA - 02-07-2012
O Tesouro dos Sete Sacramentos

Vivendo na Igreja, nós recebemos sete pérolas preciosíssimas: os sete sacramentos. São sete formas da presença de Jesus, e com Jesus, do Pai e do Espírito Santo, em sete momentos importantes de nossa vida. São sete grandes canais de graças e bênçãos divinas para nossa vida cristã.
O Batismo. Quando nascemos, o Batismo nos torna filhos adotivos do Pai celeste, irmãos de Jesus, templos do Espírito Santo, membros da família de Deus, herdeiros da riqueza do Pai.
A Crisma. Na juventude, quando nós nos tornamos responsáveis por nossas decisões, a Crisma nos leva ao acolhimento consciente do Espírito Santo, a fim de recebermos dele a sabedoria e a força para assu-mirmos consciente e maduramente a vida cristã. Pelo ação do Espírito Santo, nós nos tornamos testemunhas e evangelizadores de Jesus.
A Confissão. Quando fraquejamos, tropeçamos e erramos, temos o sacramento da reconciliação, a confissão. Nela nós nos encontramos com Jesus, que pelo sacerdote nos perdoa, liberta, cura e reanima para a caminhada.
A Eucaristia. No dia a dia de nossa vida, precisamos de um forma rica e maravilhosa para agradarmos a Deus. Nós a possuímos na Santa Missa: o Sacrifício de Jesus, oferecido na cruz, e que se faz presente sobre o altar, a fim de podermos oferecê-lo por Jesus, em Jesus e com Jesus, à Trindade santa. Ao mesmo tempo, precisamos de um bom companheiro de caminhada. Nós o encontramos na Eucaristia: Jesus vivo, com quem fazemos comunhão de amor e de compromisso, na Santa Comunhão. A Eucaristia é “o ponto mais alto da vida da Igreja e a fonte de todas as graças”. (Vat II)
O Matrimônio. Quando um jovem casal se propõe a constituir família, Deus quer fazer uma aliança com ele para abençoá-lo, a fim de que possa manter-se unido no amor, procriar em santidade e realizar a felicidade sonhada. Que tesouro para o casal: ter Deus como seu aliado!
A Unção dos Enfermos. Quando a enfermidade, a doença ou a idade avançada trazem seus sofrimen-tos, Jesus se faz presente de forma particular na Unção dos Enfermos, a fim de conceder graças especiais de cura espiritual, psicológica, emocional e física, bem como para perdoar os pecados e de penas temporais, e se for a hora de partir para a outra vida, a fim de preparar o enfermo para o grande encontro com o Pai celeste.
O Sacramento da Ordem. Para que a Igreja possa prosseguir em sua missão de evangelizar, salvar e santificar, Jesus nos deu o precioso dom do Sacramento da Ordem. Por ele, se perpetua a presença do Papa, dos bispos, dos sacerdotes e diáconos, para servirem ao povo de Deus, em todas as coisas, com seu ministério.

Somente na Igreja Católica temos todos os sete Sacramentos. Que perda enorme sofrem os que deixam a Igreja Católica e passam para outras religiões não cristãs, ou mesmo para denominações ou seitas evangélicas!

CONTINUA NA PRÓXIMA POSTAGEM

OS TESOUROS DA IGREJA CATÓLICA

DIA 3 DE JULHO - TERÇA FEIRA
Maria de Jesus – Nossa Senhora.
Eis outro tesouro de valor incalculável, privilégio dos católicos! Jesus, pregado na cruz, antes de concluir o seu sacrifício total, fez um “testamento” do grande tesouro que possuía: sua Mãe. Nós fomos os destinatários desse testamento. Jesus no-la deu por mãe! Nem é preciso dizer do valor da presença, do amor materno, da valia do seu exemplo e do poder de sua intercessão. Ter ou não ter mãe: qual a diferença? Ter Maria como Mãe, mestra, modelo e intercessora é possuir um tesouro inestimável. Daria para imaginar a Igreja Católica e os católicos sem a presença de Maria Santíssima? Que vazio ficaria! Que falta ela faria! Que empobrecimento! Que pena que tantos se tornam órfãos de mãe, quando abandonam a Igreja!
Os Anjos e Santos
Como não reconhecer o valor da presença dos Anjos e Santos em nossa Igreja! Os Anjos, mensageiros, amigos, protetores e intercessores nossos junto do trono de Deus. Os Santos, nossos irmãos do Antigo e principalmente do Novo Testamento, que por seu exemplo nos estimulam na fidelidade à nossa fé e vida cristã, e por sua intercessão nos alcançam tantas graças, bênçãos e favores. Que empobrecimento teríamos se elimi-nássemos da Igreja os Anjos e Santos!
A Hierarquia
Outro tesouro preciso dado por Jesus é a hierarquia: o Papa, os bispos, os sacerdotes e os diáconos. Imagine todo bem que já foi realizado no mundo, em quase dois mil anos, por todos os papas, bispos, padres e diáconos! Pense no bem realizado por nosso querido Papa João Paulo II... Pense em todo bem realizado pelo bispo de sua diocese... Como também pelo sacerdote de sua paróquia... Pense, agora, em dois mil anos de serviços prestados por todos os papa, bispos, sacerdotes e diáconos. Tudo é dom de Deus! Tudo é riqueza de nossa Igreja!
Os Irmãos de Fé e Caminhada
Outro tesouro precioso que possuímos na Igreja é a comunidade católica. A mesma fé, o mesmo Deus Uno e Trino, o mesmo culto eucarístico e sacramental, a filiação divina comum, o mandamento do amor, tudo isto forma a fraternidade católica. Somos irmãos. Termos tantos irmãos, e podermos conviver fraternalmente com um certo número que conhecemos e com quem convivemos é, sem dúvidas, uma riqueza.
Outras Pérolas
Além dessas, há outras pérolas preciosas que nos foram dadas por Deus na Igreja. A liturgia, inspirada e dinamizada pelo Espírito Santo; os sacramentais, criados pela hierarquia iluminada e movida pelo mesmo Espírito Santo; costumes, festas e tradições religiosas de toda espécie, como as mais diversas procissões, as celebrações festivas e devoções populares, as coroações de Nossa Senhora e do Coração de Jesus, as muitas formas de rezar o rosário ou o terço, e tantas outras.
Podemos afirmar, portanto, com toda convicção: “Somos felizes por sermos católicos!” Nossa Igreja é, para nós, um tesouro imenso, incalculável e indestrutível.




Pie Jesu sung by Carla Maffioletti and Akim Camara

29 de junho de 2012

ORAÇÃO REPARADORA AO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS


DIA 30 - 06 - 2012 - SÁBADO
Divino Salvador Jesus! Dignai-vos baixar um olhar de misericórdia sobre vossos filhos, que reunidos em um mesmo pensamento de Fé, Reparação e Amor, vêm chorar a vossos pés suas infidelidades e a de seus irmãos, os pobres pecadores! Possamos nós, pelas promessas unânimes e solenes que vamos fazer, tocar o vosso divino Coração, e dele alcançar misericórdia para o mundo infeliz e criminoso e para todos aqueles que não têm a felicidade de vos amar!

Daqui por diante, sim, todos nós vo-lo prometemos:
Do esquecimento e da ingratidão dos homens,
NÓS VOS CONSOLAREMOS, SENHOR ! (Responder assim a cada intenção)
Do abandono em que sois deixado no santo Tabernáculo,
Dos crimes dos pecadores,
Do ódio dos ímpios,
Das blasfêmias que se vomitam contra vós,
Das injúrias feitas à vossa divindade,
Dos sacrilégios com que se profana o vosso Sacramento de amor,
Das imodéstias e irreverências cometidas em vossa presença adorável,
Da tibieza do maior número de vossos filhos,
Do desprezo que se faz de vossos convites cheios de amor,
Das infidelidades daqueles que se dizem vossos amigos,
Do abuso de vossas graças,
De nossas próprias infidelidades,
Da incompreensível dureza de nossos corações,
De nossa longa demora em vos amar,
De nossa frouxidão em vosso santo serviço,
Da amarga tristeza em que sois abismado pela perda das almas,
Do vosso longo esperar às portas de nossos corações,
Das amargas repulsas de que sois saciado,
De vossos suspiros de amor,
De vossas lágrimas de amor,
De vosso cativeiro de amor,
De vosso martírio de amor,
Oração -

Divino Salvador Jesus, que de vosso Coração deixastes escapar esta queixa dolorosa: "Eu procurei consoladores e não os achei", dignai-vos aceitar o pequeno tributo de nossas consolações e assistir-nos tão poderosamente com o socorro de vossa graça que, para o futuro, fugindo cada vez mais de tudo o que vos poderia desagradar, nos mostremos em tudo, por toda a parte e sempre, vossos filhos, os mais fiéis e devotados. Nós vo-lo pedimos por vós mesmo, que sendo Deus, com o Pai e o Espírito Santo, viveis e reinais nos séculos dos séculos. Amém.

28 de junho de 2012

O CORAÇÃO DE JESUS CONTINUA A NOS AMAR

SEXTA FEIRA - 29 - 06 - 2012
O Coração de Jesus continua nos amando por meio da sua e nossa Igreja. Ele está presente na Eucaristia, nos Evangelhos, na comunidade reunida, nos sacramentos. O Coração de Jesus se utiliza de muitos meios para nós amar. É por meio dos sacerdotes que ele nos ama, quando perdoa sempre de novo os nossos pecados na confissão. É por meio deles que ele nos ama quando se faz presente sobre o altar na santa missa, para que nós possamos oferecer o seu corpo e sangue ao Pai celeste e para que possamos comungá-lo. É pelos sacerdotes que ele batiza e faz dos pagãos filhos de Deus. É por meio do bispo que na Crisma, ele dá o Espírito Santo. É pelos ministros que ele abençoa os matrimônios, que visita e abençoa os doentes. É por amor que Jesus realiza todas as obras na Igreja. Porque  tem um grande amor por nós é que ele se faz presente na Igreja, atuando de tantas maneiras maravilhosas. É por todo esse amor para conosco que o celebramos como Sagrado Coração de Jesus.
ORAÇÃO
Bendito seja o Coração de Jesus que nos revela o amor de Deus.
Bendito seja o Coração de Jesus que tanto amou o Pai.
Bendito seja o Coração de Jesus que tanto amou o mundo.
Bendito seja o Coração de Jesus paciente e misericordioso.
Bendito seja o Coração de Jesus vítima dos pecadores.
Bendito seja o Coração de Jesus aberto pela lança.
Bendito seja o Coração de Jesus nossa paz e reconciliação.
Bendito seja o Coração de Jesus nossa vida e ressurreição.
Bendito seja o Coração de Jesus donde brotou sangue e água.
Bendito seja o Coração de Jesus donde nasceu a Igreja.
Amém

27 de junho de 2012

AS 12 PROMESSAS DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS


DIA 28 - 06 - 2012 - QUINTA FEIRA


1ª PROMESSA: "A Minha bênção permanecerá sobre as casas em que se achar exposta e venerada a imagem de Meu Sagrado Coração"
2ª PROMESSA: "Eu darei aos devotos de Meu Coração todas as graças necessárias a seu estado"
3ª PROMESSA: "Estabelecerei e conservarei a paz em suas famílias".
4ª PROMESSA: "Eu os consolarei em todas as suas aflições".
5ª PROMESSA: "Serei refúgio seguro na vida e, principalmente, na hora da morte"
6ª PROMESSA: "Lançarei bênçãos abundantes sobre os seus trabalhos e empreendimentos"
7ª PROMESSA: "Os pecadores encontrarão, em Meu Coração, fonte inesgotável de Misericórdia".
8ª PROMESSA: "As almas sem devoção tornar-se-ão fervorosas pela prática dessa devoção".
9a PROMESSA: "As almas fervorosas subirão, em pouco tempo, a uma alta perfeição ".
1Oa PROMESSA: "Darei aos sacerdotes, que praticarem especialmen¬te essa devoção, o poder de tocar os corações mais endurecidos".
11ª PROMESSA: "As pessoas que propagarem esta devoção terão o seu nome inscrito para sempre no Meu Coração".
12ª. PROMESSA: "A todos os que comunguem nas primeiras sextas-feiras de nove meses consecutivos, darei a graça da perseverança final e da salvação eterna".

AMOR GRATUITO DO CORAÇÃO DE JESUS


DIA 27 - 06 - 2012 - QUARTA FEIRA
Outra beleza da personalidade do Coração de Jesus é a gratuidade do seu amor. Ele ama gratuitamente, sem exigir, ou pedir, ou querer algo em troca, como recompensa do amor oferecido. Ele simplesmente ama porque veio para amar com um amor salvador. Ama porque se decidiu amar.
Se alguma vez Ele pediu ou pede amor é porque quando nós correspondemos ao seu amor, abrimos o nosso coração para Ele, e com isso Ele pode realizar ainda mais sua obra de salvação e santificação em nossa vida. É muito bom para nós mesmos quando conseguimos amá-lo. Os beneficiados somos nós.


ENSINAI-NOS A LIÇÃO DO AMOR.
Coração de Jesus,  que pedis de nós a prática do verdadeiro amor:
ENSINAI-NOS A LIÇÃO DO AMOR.
Coração de Jesus,  Filho único do Pai, cheio de graça e de verdade:
Coração de Jesus, que nos solicitais amar ao próximo como Vós nos amais:
Coração de Jesus,  Emanuel, Deus-conosco:
Coração de Jesus,  que nos quereis sal da terra e luz do mundo:
Coração de Jesus,  motivo de glória a Deus nos céus:
Coração de Jesus,  garantia de paz aos seres humanos na terra:
Coração de Jesus,  que Vos fizestes em tudo igual a nós, / menos no pecado:
Coração de Jesus,  que quereis que façamos aos outros / o que nós deles esperamos:



21 de junho de 2012

AMOR GRATUITO DO CORAÇÃO DE JESUS


DIA 22 - 06 - 2012 - SEXTA FEIRA
Outra beleza da personalidade do Coração de Jesus é a gratuidade do seu amor. Ele ama gratuitamente, sem exigir, ou pedir, ou querer algo em troca, como recompensa do amor oferecido. Ele simplesmente ama porque veio para amar com um amor salvador. Ama porque se decidiu amar.
Se alguma vez Ele pediu ou pede amor é porque quando nós correspondemos ao seu amor, abrimos o nosso coração para Ele, e com isso Ele pode realizar ainda mais sua obra de salvação e santificação em nossa vida. É muito bom para nós mesmos quando conseguimos amá-lo. Os beneficiados somos nós.
Porque o Coração de Jesus nos ama tanto, precisamos ser gratos, acolher Seu amor e corresponder-Lhe por uma amizade profunda, por manifestações e declarações de amor, e principalmente por uma vida vivida de acordo com os Seus ensinamentos.
A resposta ao amor do Coração de Jesus é dada principalmente por meio de uma “vida de união” com Ele. Trata-se de uma união motivada pelo amor recebido e correspondido. Trata-se também de uma união de sentimentos e de objetivos presentes no Coração de Jesus. Trata-se ainda de uma união com a missão do Coração de Jesus diante da salvação da humanidade e de cada pessoa.
Essa união com o Coração de Jesus não é para que Ele ‘desça’ e ‘se iguale’ a nós, à nossa vida, aos nossos sentimentos, aos nossos objetivos, à nossa missão. Mas pelo contrário, essa união é para que nós ‘subamos’ e nos tornemos semelhantes a Ele em nossa vida, em nosso modo de pensar, de desejar, de querer, de agir, de tratar os outros. Essa união deve existir para tornarmo-nos parecidos com Jesus: amar como Jesus ama, perdoar como Jesus perdoa, sentir o que Jesus sente, fazer o que Jesus fez ou faria, enfim viver como Jesus viveu.

ORAÇÃO
Sagrado Coração de Jesus,
como é maravilhoso conhecer
a gratuidade do vosso amor!
Vós me amais sem exigir nada em troca,
nada como retribuição
ao amor que me dispensais.
Até mesmo quando pedis que nós Vos amemos,
é porque amar-Vos é ótimo para nós!
Desejo vivamente, também eu,
amar-Vos gratuitamente.
Quero oferecer-Vos o meu amor,
não para que Vós me ameis,
embora eu saiba que Vós o fareis,
mas desejo amar-Vos com gratuidade,
assim como Vós fazeis por mim.

SEGUE A POSTAGEM DO DIA 23 - SÁBADO



PERMITIR QUE O CORAÇÃO DE JESUS NOS AME


DIA 23 DE JUNHO - SÁBADO
Deixarmo-nos amar por Jesus é aceitarmos todos os seus conselhos e ensinamentos que, aliás, são todos para o nosso bem pessoal, familiar, profissional e comunitário. Se colocarmos em prática os ensinamentos de Jesus, viveremos uma vida sadia, exemplar, honrada, honesta e até santa. E isto é ótimo para nós.
Deixarmo-nos amar por Jesus é obedecer o seu mandamento de participarmos de sua Igreja, de celebrarmos os seus Sacramentos, e de modo particular, participarmos assiduamente da Santa Missa dominical. De fato, participar sempre da Missa dominical favorece o processo de manter viva e de fazer crescer e aprofundar a fé em Jesus. Quem se afasta da Santa Missa dominical, vai se afastando de Deus, da graça divina, se enfraquece em sua fé, e vai abrindo sua vida para os erros e vícios do mundo cheio de pecado. Quanto mais se afasta de Deus, mais se “enterra” no mundo do peado.
Deixarmo-nos amar por Jesus é procurarmos ler a Bíblia, de modo especial os Santos Evangelhos, para conhecermos sempre mais os Seus ensinamentos, presenciarmos seus milagres, conhecermos melhor sua Pessoa e sua santa personalidade, a fim de permanecermos em sua amizade, em seu amor, e no seu caminho da salvação.
Deixarmo-nos amar por Jesus, às vezes nos custa renúncias e esforços. Se nós nos deixamos amar por Jesus, perceberemos que Ele nos pede para deixar o nosso orgulho, o nosso egoísmo. os nosso vícios, as nossas maldades, as nossas más intenções. Isto exige esforço. Mas se atendermos ao apelo de Jesus e tirarmos esses pecados e males de nossa vida, isto será ótimo para nós, para nossas famílias e para os nossos irmãos.

CONSAGRAÇÃO PESSOAL AO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS
Primeira Consagração composta por Santa Margarida Maria Alacoque


Eu, (diga o seu nome), dou e consagro ao Sagrado Coração
de Nosso Senhor Jesus Cristo,
minha pessoa e minha vida,
minhas ações, trabalhos e sofrimentos;
não quero usar de parte alguma do meu ser,
senão para O honrar, amar e glorificar.
Esta é a minha vontade irrevogável:
ser todo(a) Seu(ua) e fazer tudo por Seu amor,
renunciando, de todo o coração,
a tudo o que Lhe possa desagradar.
A Vós, pois, eu tomo, á Coração Sagrado,
para único objeto do meu amor,
protetor da minha vida,
segurança da minha salvação,
remédio da minha fragilidade e inconstância,
reparador de todos os defeitos da minha vida
e meu asilo seguro na hora da minha morte. Amém.




SEGUE A POSTAGEM DO DIA  24 - DOMINGO

SENTIR-SE AMADO PELO CORAÇÃO DE JESUS

DIA 24 - O6 - 2012 - DOMINGO

Quando descobrimos o “Coração de Jesus”, e nele o divino e infinito amor que Ele tem para conosco, precisamos da graça do Espírito Santo para ‘sentirmo-nos amados’ por Ele. Precisamos cair na realidade de que somos muito amados pessoalmente por Jesus. E que esse amor é atual, é de cada dia, nos acompanha sempre, todos os dias.
Por causa de nossos pecados, de nossa frieza de fé, de nossa falta de uma espiritualidade cristã mais cultivada, temos muitas dificuldades de sentirmo-nos amados pelo Coração de Jesus. Se nos fizermos agora esta pergunta: ‘Eu, no meu dia a dia, me sinto realmente amado por Jesus?’... Quais as provas que eu poderia citar, pelas quais eu me sinto amado?... Qual seria a nossa resposta?... Talvez nunca pensamos nisso... No entanto é sumamente importante que o nosso coração se sinta amado por Jesus.
Todas as pessoas, sem exceção, são amadas, muito amadas por Deus Pai, são amadas particularmente por Jesus, bem como pelo Espírito Santo. Mas não são muitas as que reconhecem esse amor, e a ele correspondem, e dele falam com entusiasmo e gratidão. Por não se sentirem amadas, elas têm dificuldade de corresponder ao amor de cada Pessoa da Trindade.
Uma atitude que precisamos tomar é de procurarmos reunir – até por escrito – todas as provas do amor de Jesus para conosco. Desde as provas universais, como a vinda de Jesus para nos salvar, todos os Seus ensinamentos, Sua morte de cruz por nós, Sua ressurreição com a garantia de uma vida eterna, a Igreja com todas as suas riquezas que, aliás, são todas para nós. Como também precisamos reunir as provas personalizadas que ocorreram em nossa vida pessoal.
Quanto mais conseguirmos convencer o nosso coração de que somos amados, tanto mais nós conseguiremos dar uma resposta de amor, de uma vida bem vivida no amor.

ORAÇÃO

Sagrado Coração de Jesus,
como é grande Vosso amor por mim!
Fostes generoso a ponto de dar a vida,
até à morte de cruz, pela minha salvação.
E continuais a me amar todos os dias,
sempre com novas provas de amor.
Desejo, Senhor, tornar-me mais sensível
para perceber as provas do vosso amor,
para acolhê-las, apreciá-las e valorizá-las.
Quero sentir-me muito amado por Vós.
Sei que tornando-me sensível ao vosso amor
poderei corresponder muito mais e melhor
ao Vosso amor.
Doce Coração de Jesus,
fazei que eu Vos ame cada vez mais!


 SEGUE A POSTAGEM DO DIA 25 - 2ª FEIRA


DEIXAR-SE AMAR PELO CORAÇÃO DE JESUS


DIA 25 - 06 - 2012 - SEGUNDA FEIRA
O coração de Jesus, sem dúvidas, nos ama com amor único, gratuito e incondicional, divino e salvador. Mas como somos pessoas que gozam de liberdade, precisamos nos decidir a deixarmo-nos amar por Ele. Ele ama a todos: bons e maus, justos e injustos. Mas muitos, muitos mesmo, não se deixam amar por Ele, não permitem que Ele os ame. E com isso não deixam que Ele os abençoe com as bênçãos de que eles têm necessidade para se salvar e viver bem a sua vida.
Para compreender essa verdade de que devemos nos deixar amar por Jesus, precisamos perguntar: como é o amor de Jesus para conosco? Como se manifesta o Seu amor?
Antes de tudo, o amor de Jesus para conosco é um amor salvador, um amor de salvação. Jesus quer e precisa nos salvar para a vida eterna. A salvação é a maior graça que pode acontecer na vida de uma pessoa. E Jesus chegou a dar a sua vida, até a morte de cruz, para que possamos ser salvos. Um dia Jesus disse: “Que adianta alguém ganhar o mundo inteiro se vier a perder a sua alma?”(Mt 16, 26)
Deixarmo-nos amar por Jesus é, antes de tudo, aceitar Jesus como nosso salvador pessoal, é aceitar a sua mensagem evangélica que é toda para a nossa salvação eterna, é buscar o perdão dEle toda vez que pecamos, é viver a nossa vida de cada dia de acordo com os seus ensinamentos. Deixarmo-nos amar por Jesus com amor de salvação é seguir o caminho dEle, participando da vida da Igreja, celebrando os sacramentos. A maior graça que Jesus quer e precisa nos alcançar é a nossa salvação eterna. Deixarmo-nos amar por Jesus é caminhar no Seu caminho de salvação.


BENDITO SEJAIS Ó CORAÇÃO DE JESUS

Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
que nos revelais o amor de Deus!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
que tanto amais o Pai!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
que tanto amais o mundo!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
paciente e misericordioso!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
vítima dos pecadores!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
aberto pela lança!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
nossa paz e reconciliação!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
nossa vida e ressurreição!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
de onde brotou água e sangue!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
de onde nasceu a Igreja. / Amém!

A SEGUIR, A POSTAGEM PARA 3ª FEIRA - DIA 26



A MISERICÓRDIA DO CORAÇÃO DE JESUS


DIA 26 - 06 - 2012 - TERÇA FEIRA
A misericórdia do Coração de Jesus nasce de duas realidades. Primeira: da miséria humana. Segunda: do Seu amor. (Míseri + Córdia).
Primeira realidade. Se não houvesse miséria humana não haveria necessidade de misericórdia. Se não houvesse as consequências do pecado original agindo negativamente no ser humano, se não houvesse, ainda, tantos sofrimentos da história pessoal de cada pessoa, e se não houvesse, também, a desarmonia e o pecado social, não haveria necessidade de misericórdia, pois não haveria miséria. No céu, porque não haverá mais miséria, não haverá necessidade de misericórdia. Lá, a misericórdia do Coração de Jesus é exaltada por toda a eternidade, exatamente por ter alcançado a salvação de todos os habitantes humanos do céu.
Segunda realidade. Se não houvesse o amor infinito do Coração de Jesus, amor todo voltado para o ser humano envolto em miséria, não haveria misericórdia. Se Deus tivesse abandonado a humanidade no seu pecado das origens, e se não tivesse se decidido salvá-la, não haveria misericórdia, pois não haveria o “coração-amor” debruçado sobre a miséria.
A misericórdia do Coração de Jesus tem cinco etapas: 1. Conhece a miséria da pessoa. 2. Aceita que a pessoa tenha caído na miséria. 3. Compreende a situação de miséria em que se encontra a pessoa. 4. Perdoa a pessoa por estar na miséria. 5. Procura por todos os meios tirar a pessoa da sua miséria, para restaurá-la e levá-la a viver bem sua vida.
A misericórdia do Coração de Jesus embeleza profundamente sua personalidade.

20 de junho de 2012

O AMOR INCONDICIONAL DO CORAÇÃO DE JESUS


QUINTA FEIRA - 21 - 06 - 2012
Outra beleza da personalidade do Coração de Jesus é a incondicionalidade do seu amor. Seu amor é incondicional. Ou seja. Ele não põe condições para amar alguém. Ele simplesmente ama a todos: bons ou maus, justos ou injustos, santos ou pecadores.
O Coração de Jesus veio ao nosso mundo terreno como salvador. Ora, todos precisam de salvação, todos precisam de sua ação salvífica, pois todos nascem no pecado, vivem em meio a um mundo cheio de pecados, e todos pecam. Por isso é preciso que o Seu amor seja incondicional.
Se alguém é santo, Ele o ama para torná-lo ainda mais santo. Se alguém é pecador, o ama para perdoá-lo e tirá-lo do pecado que pode levá-lo à condenação eterna. Se alguém é bom, o ama para torná-lo ainda melhor e recompensá-lo. Mas se alguém é mau, o ama para curar sua maldade e torná-lo bom. Se alguém nEle crê, Ele o ama e o faz crescer na fé e na vida, se alguém não crê, Ele procura levá-lo à fé para que crendo se salve. Dessa forma o Coração de Jesus ama a todos sem pôr condições para amá-lo. Ele veio para amar o ser humano e o ama incondicionalmente.
O amor incondicional torna ainda mais bela a personalidade do Coração de Jesus.

ORAÇÃO

Ó Coração divino de Jesus,
nós Vos saudamos, louvamos e bendizemos
por Vosso amor incondicional.
Jamais alguém, sobre a face da terra,
teve uma forma de amar
o ser humano
como Vós o amais.
Não apenas porque destes a vossa vida,
entregando-a até à morte de cruz,
para salvá-lo para a vida eterna,
mas também porque
Vós amais o ser humano
incondicionalmente.
Amais o justo
para que seja ainda mais justo.
Amais o injusto
para convertê-lo e torná-lo justo.
Amais o santo
para que seja mais santo.
Amais o pecador
para perdoá-lo e santificá-lo.
Amais o bom
para que seja sempre melhor.
Amais o mau,
para convertê-lo e torná-lo bom.
Coração de Jesus, como é admirável
o vosso amor.
Fazei que Vos amemos cada vez mais.

19 de junho de 2012

A BELEZA DA MISERICÓRDIA DO CORAÇÃO DE JESUS


  DIA 20 - 06 - 2012 - QUARTA  FEIRA
“Jesus prometeu graças especiais a quem fizesse, vivesse e espalhasse esta devoção. Jesus declarou: “Neste dia, estão abertas as entranhas da Minha Misericórdia. Derramarei um mar de graças sobre as almas que se aproximarem da fonte da minha Misericórdia. A pessoa que se confessar e comungar alcançará o perdão das culpas e das penas... A humanidade não terá paz enquanto não se voltar à fonte da Minha Misericórdia”.
Bastariam essas palavras de Jesus para compreender a beleza da misericórdia do Coração de Jesus.
Em que consiste a misericórdia? Este termo é formado por duas palavras da língua latina: “miséria” e “cór”, que significam: miséria e coração. Misericórdia é a atitude de “um coração debruçado sobre a miséria humana”. É um coração transbordante de amor, todo voltado, debruçado, interessado em socorrer a miséria humana.
Ser misericordioso é ter um coração transbordante de amor, todo voltado para a fragilidade, a necessidade e a pobreza interior dos irmãos. Um coração amoroso debruçado sobre a miséria alheia, a fim de prestar-lhe o auxílio de que necessita.
O ser humano carrega o fardo da miséria. Portador das consequências do pecado original: orgulho, egoísmo, inveja, preguiça, maledicência, materialismo, erotismo de vários tipos, consumismo, descrença etc.; portador de muitas feridas psicológicas e emocionais causadas por desamores sofridos no contexto familiar e social, o ser humano carrega inevitavelmente a marca da “miséria humana”.
O Coração de Jesus, ao contemplar o ser humano com seu olhar divino e com sua onisciência, o vê na sua realidade humana de sofrimento e miséria. O vê como por uma radiografia ou tomografia total e perfeita. Não vê apenas as aparências, mas vê o coração. Quero dizer: o Coração de Jesus vê a interioridade total da pessoa. Então o Coração de Jesus entra com a sua divina misericórdia.

Oração da Misericórdia

Coração misericordioso de Jesus ,
nós Vos louvamos, honramos
e damos graças por vossa imensa
e divina misericórdia.
Nós carregamos a miséria do pecado original,
que nos leva à miséria
dos nossos pecados pessoais.
Com nossos pecados, ofendemos a Deus,
merecemos castigos,
e até poderemos perder o Céu.
Ó Coração misericordioso de Jesus,
nós clamamos
por vossa misericórdia divina e infinita.
Pardoai-nos. Libertai-nos. Curai-nos. Salvai-nos.
Que o poder da vossa misericórdia
nos salve de nossas misérias,
a fim de podermos viver a nossa vida
em estado de graça santificante,

no amor a Deus e aos nossos irmãos.
Coração misericordiodo de Jesus,
usai sempre de misericórdia para conosco.
Amém!


18 de junho de 2012

A BELEZA DA HUMILDADE DO CORAÇÃO DE JESUS


 DIA 19 DE JUNHO - TERÇA FEIRA

Mesmo sendo Deus, Filho de Deus Pai, Salvador da humanidade, Senhor da vida e da história, o Coração de Jesus é de uma humildade simplesmente divina. Aliás, Ele mesmo se coloca como exemplo e mestre de humildade quando disse: “Aprendei de mim que sou manso e humilde de coração”.(Mt 11,29)
Admiramos a sua humildade ao aceitar como Sua mãe, a pequena e humilde jovem de Nazaré, a Virgem Maria. Ele poderia ter escolhido como mãe uma filha de um imperador romano ou de outro grande império, para nascer num palácio, e ter toda a segurança do poder real. Não. Ele quis Maria de Nazaré.
Ficamos encantados com a sua humildade de aceitar nascer numa gruta, no meio de um campo, sem qualquer conforto. Poderia ter escolhido nascer entre os poderosos, no fausto de um palácio real.
Nós nos surpreendemos com a sua humildade de fugir para o Egito para escapar da morte, decretada dor Erodes. Ele poderia ter fulminado com um raio esse rei perverso e assassino.
Ficamos encantados com a humildade dos 30 anos passados no escondimento e no trabalho de carpintaria em Nazaré, quando poderia ter-se revelado desde muito cedo como filho de Deus, realizando milagres todos os dias.
Sua humildade esteve presente nos três anos de sua vida pública, escolhendo pescadores e pecadores como seus continuadores, percorrendo cidades e aldeias, atravessando sem cessar o lago de Genezaré para ir pregar a boa nova sempre a outras pessoas.
O auge de sua humildade foi submeter-se a todas as torturas e sofrimentos espirituais, psicológicos e físicos de sua paixão e morte, aceitar a sentença de morte, aceitar a crucificação e a sepultura. Isto foi o máximo de sua humildade. De fato, o Coração de Jesus pôde dizer: “Aprendei de mim que sou humilde de coração”. Ele é exemplo perfeito.

Oração da Humildade

Coração de Jesus, dissestes:
aprendei de mim que sou humilde de coração”.
Senhor, como é bela é a vossa humildade!
Como ela embeleza a vossa personalidade!.
Em todos os vossos relacionamentos,
percebemos a vossa humildade.
De fato podíeis dizer:
prendei de mim que sou humilde.
Nós queremos aprender de vós
esta virtude tão bonita e tão importante
para a nossa vida.
Outro dia dissestes:
“Quem se humilha será exaltado”!
É bem verdade, Senhor!
Daí-nos, Senhor, pelo Espírito Santo
a virtude da humildade.
Que possamos imitar-vos
e tornar-nos semelhantes a vós.
Coração de Jesus, humilde de coração,
fazei o nosso coração humilde como o vosso.

AMÉM!








17 de junho de 2012

A BELEZA DA MANSIDÃO DO CORAÇÃO DE JESUS


SEGUNDA FEIRA - DIA 18-06-2012

Outra beleza da personalidade do Coração de Jesus é a sua mansidão. Ele mesmo nos diz: “Aprendei de mim que sou manso de coração”.(Mt 11,29).
A mansidão é a qualidade de alguém, cujo psíquico e emocional estão limpos de todo tipo de agressividades, impaciências, ressentimentos, mágoas, iras, ódios, sentimentos de vingança, de orgulho, de maledicência, de inveja, de cobiça. Um coração limpo de todas essas “brabezas” se comporta de uma forma mansa em todos os seus relacionamentos com as pessoas. Um coração manso não agride, não fere, não prejudica outras pessoas. Mas também não se fere com facilidade. Por não ser um coração ferido, portanto não sensível a qualquer agressão, ele não se fere com facilidade.
Jesus sempre agiu com mansidão em seu relacionamento com as pessoas, com seus Apóstolos e discípulos. Muitas vezes os Apóstolos agiam de uma forma errada, contrária às propostas do Mestre. Jesus intervinha, e com mansidão, os exortava e chamava à verdade, como ocorreu quando eles discutiam entre si quem era o maior diante do Mestre(Lc 22, 26), ou quando a mãe de Tiago e João foi pedir a Jesus que os colocasse em lugar privilegiado, por isso os outros dez se revoltaram e criaram uma situação de divisão entre eles (Mt 20, 24).
A mansidão de Jesus se revelou ao máximo quando, na Santa Ceia, Ele precisou anunciar a traição de Judas. O modo como Jesus agiu nos revela a mansidão de seu Coração. Aliás, também no jardim das oliveiras, quando com um beijo Judas O entregou aos soldados, Ele disse: “Amigo, com um beijo trais o filho do homem?”(Mt 26, 49) Jesus poderia ter falado pesadamente contra o traidor. Mas não. A mansidão de Jesus embeleza muito sua personalidade.
ORAÇÃO

Jesus, nós admiramos a vossa mansidão,
a mansidão do vosso divino Coração.
Sim, Jesus, nós admiramos toda mansidão,
toda delicadeza, toda sensibilidade de coração
que sempre manifestastes
em vossos relacionamentos com os Apóstolos,
com os discípulos e com todo o povo
que sempre vos rodeava.
Como é linda a mansidão do vosso Coração!
Principalmente quando os sacerdotes,
os escribas, os fariseus e os saduceus
vos importunavam com suas artimanhas e intrigas,
vós sempre respondíeis com dignidade,
com sabedoria e mansidão.
Nós elogiamos vossa mansidão e pedimos que,
pelo Espírito Santo,
nos concedias essa virtude tão linda
e tão importante da mansidão.
Que saibamos eliminar todos os ressentimentos,
raivas, mágoas, vinganças, de nosso coração,
para que sejamos mansos em todos os nossos relacionamentos,
principalmente em nossas famílias.
Jesus, manso de coração,
fazei o nosso coração semelhante ao vosso. 

15 de junho de 2012

A BELEZA DIVINA DO CORAÇÃO DE JESUS

DIA  16-06-2012 - SÁBADO
Admiremos a  beleza da divindade do Coração de Jesus. Antes e acima de tudo, o Coração de Jesus é Deus. É a segunda Pessoa da Santíssima Trindade, que veio ao nosso encontro, encarnando-se no seio da Virgem e que quis viver igual a nós em tudo, menos no pecado que, aliás, nunca existiu nEle.
Sendo Deus, o Coração de Jesus tem todas as perfeições em grau divino, ou seja, em grau supremo, incomparável e insuperável. Portanto, seus dons, suas qualidades, suas virtudes e seus atributos têm uma beleza divina, suprema. Sua personalidade, por isso, é de uma perfeição e beleza incomparável, suprema e divina.
Quando Ele ama, ama com um amor de beleza e grandeza divinas. Quando Ele acolhe alguém, seja um santo, seja um pecador, seja quem for, o faz com um acolhimento de qualidade e beleza divinas. Quando Ele perdoa, o faz com uma profundidade e beleza divinas. Quando Ele concede bênçãos, o faz com uma largueza e gratuidade divinas. Quando Ele exorta, questiona alguém por causa de seus erros e pecados, Ele o faz com um desejo extraordinário e divino, para convertê-lo. Todas as suas palavras e ações trazem a marca do divino, pois Ele é Deus com o Pai e o Espírito Santo. Tudo isto torna muito bela a sua personalidade.

ORAÇÃO PELA FAMíLIA
Papa João Paulo 11
Ó Deus, de quem procede toda a paternidade no céu e na terra. Pai, que és amor e vida, faze que cada família humana sobre a terra se converta, por meio de teu Filho, Jesus Cristo, nascido de mulher e mediante o Espírito Santo, fonte da caridade divina, em verdadeiro santuário da vida e do amor para as gerações que sempre se renova. Faze que Tua graça guie os pensamentos e as obras dos esposos para o bem de suas famílias e de todas as famílias do mundo.
Faze que as jovens gerações encontrem na família apoio para sua humanidade e para seu crescimento na verdade e no amor. Faze que o amor reafirmado pela graça do Sacramento do Matrimônio, se revele mais forte que qualquer debilidade a qualquer crise, pelas quais às vezes passam nossas famílias.
Faze, finalmente, Te pedimos por intercessão da Sagrada Família de Nazaré, que a Igreja, em todas as nações da Terra, possa cumprir frutiferamente sua missão na família e por meio da família. Tu, que és a Vida a Verdade e o Amor, na unidade do Filho e Espírito Santo. Amém.




14 de junho de 2012



SOLENIDADE
DO SAGRADO CORAÇÃO
 DE JESUS
CELEBRAÇÃO EM HONRA
DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS

Oração Inicial

Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
que nos revelais o amor de Deus!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
que tanto amais o Pai!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
que tanto amais o mundo!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
paciente e misericordioso!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
vítima dos pecadores!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
aberto pela lança!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
nossa paz e reconciliação!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
nossa vida e ressurreição!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
de onde brotou água e sangue!
Bendito sejais, ó Coração de Jesus,
de onde nasceu a Igreja. / Amém!
REFLEXÃO:

Sagrado Coração de Jesus, neste dia em que Vos celebramos, recordando, revivendo e admirando o vosso divino, infinito e humano amor para com o Pai celeste, para com cada um de nós, para com as nossas famílias e para com a Igreja toda, queremos Vos louvar, honrar, agradecer, como também acolher ainda mais o Vosso amor. Como sois maravilhoso em Vosso amor! Como é maravilhoso o Vosso amor para com Deus Pai, entregando-lhe o Vosso santo sacrifício realizado na cruz, e Convosco entregando-lhe todo o bem que é feito na Igreja cada dia. Como é maravilhoso o Vosso amor para conosco, colocando em nossas mãos, em cada santa Missa, o vosso sacrifício, para que nós possamos oferecer-Vos ao Pai e convosco oferecermos a nós mesmos! Nós admiramos muito todas as Vossas iniciativas para nos amar, usando tantas mediações, utilizando todos os canais de graças que nos deixastes na Igreja. Vosso amor é de sempre e para sempre! Nós reconhecemos e acolhemos ainda mais, hoje, o Vosso amor, e nos comprometemos a corresponder por um amor verdadeiro que envolva toda a nossa vida. Muito obrigado, Sagrado Coração de Jesus, por todo Vosso amor para conosco, em todos os dias de nossa vida.

INÍCIO DA COROA
Sobre a Cruz do Terço se reza:

Vinde Espirito Santo enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor, enviai o vosso Espírito e tudo será criado e renovareis a face da terra.

Anuncia-se um mistério

1º Mistério: Ó Coração de Jesus, sois a expressão maior do amor de Deus para conosco.
2º Mistério: Ó Coração de Jesus, sois o dom máximo do amor do Pai para a nossa salvação.
3º Mistério: ÓCoração de Jesus, sois o supremo amor divino e humano para conosco.
4º Mistério: Ó Coração de Jesus, sois todo dedicado à nossa salvação e felicidade
5º Mistério: Ó Coração de Jesus, sois o amor incansável em generosidade para conosco.

Anunciado o mistério, se diz:

JESUS MANSO E HUMILDE DE CORAÇÃO, FAZEI O NOSSO CORAÇÃO SEMELHANTE AO VOSSO.

Sobre as dez contas menores do terço, se reza:

No 1º mistério: DOCE CORAÇÃO DE JESUS / FAZEI QUE EU VOS AME CADA VEZ MAIS. (10 vezes)
No 2º mistério: JESUS MANSO E HUMILDE DE CORAÇÃO / FAZEI O NOSSO CORAÇÃO SEMELHANTE AO VOSSO.
No 3º mistério: CORAÇÃO MISERICORDIOSO DE JESUS / USAI DE MISERICÓRDIA PARA CONOSCO.
No 4º mistério: CORAÇÃO AMANTÍSSIMO DE JESUS / NÓS ACOLHEMOS O VOSSO DIVINO AMOR.
No 5º mistério: CORAÇÃO AMABILÍSSIMO DE JESUS / NÓS VOS LOUVAMOS E BENDIZEMOS.

No fim de cada dezena:
DOCE CORAÇÃO DE MARIA SEDE A NOSSA SALVAÇÃO.

Anuncia-se o segundo mistério e se reza como acima

Após as cinco dezenas se reza a oração final

Sagrado Coração de Jesus, Filho do Pai celeste, templo vivo do Espírito Santo, nosso Salvador e bom Pastor, nós Vos adoramos e bendizemos, nós Vos amamos e acolhemos o vosso divino amor. Derramai sobre nós o poder do vosso sangue precioso para que sejamos libertados de todo pecado e de todos os nossos males. Envolvei-nos com vosso próprio amor para que possamos amar a Deus e aos nossos irmãos como Vós mesmo os amais. Em Vós, Sagrado Coração de Jesus depositamos toda nossa confiança! E jamais seremos confundidos. Amém!


Meus queridos irmãos no Coração de Jesus
Continuarei a postar reflexões e oraçãos ao
Coração de Jesus, todos os dias, até o fim
do mês de junho.
.






5 de junho de 2012

NOVENA EM HONRA AO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS

PRIMEIRO DIA - QUARTA FEIRA  -  06/06/2012 


Oração Inicial
Salve, ó coração amantíssimo e amabilíssimo de Jesus
Nós Vos amamos, bendizemos e glorificamos.
Nós Vos louvamos com os Serafins abrasados de amor.
Nós Vos exaltamos com o sublime coro dos Tronos.
Nós Vos agradecemos com todos os Anjos e Santos.
Nós Vos amamos com o Coração amantíssimo de Maria e com São José, amável esposo de Maria e Vosso Pai nutrício Nós Vos oferecemos, damos, consagramos e imolamos nosso coração.
Aceitai-o todo inteiro e abrasai-o.
Com uma só oblação nos santificaste para a eternidade.
Por um excesso de amor nos remistes com vosso precioso sangue.
Esperarei em Vós, o Coração de Jesus, e suspirarei por vossa misericórdia.
Em Vós pus as minhas esperanças e não perecerei eternamente.

REFLEXÃO:
Sagrado Coração de Jesus é o nome que damos a Jesus Cristo, filho de Deus, nosso Salvador e Senhor, por causa do seu divino e infinito amor. O coração é o símbolo do amor. Jesus, por ser Deus, é amor divino, perfeito, pois Deus é amor. Jesus veio à nossa terra por amor ao seu Pai celeste que queria nos salvar dos nossos pecados e dos nossos males. Mas Jesus veio, também, por amor a nós, a você e aos seus queridos. Ele quer dar o Céu a todos. Foi para nos salvar e para nos levar para o Céu que Jesus veio, que nos ensinou o caminho bom, que morreu por nós na cruz, que ressuscitou, que está presente na Eucaristia, que caminha conosco. Ele fez tudo por amor. Ele só sabe fazer tudo com amor e por amor. É por isso que lhe damos o nome lindo de Sagrado Coração de Jesus. Nós queremos reconhecer esse amor por nós, e queremos retribuir com nosso amor, aceitando-o ainda mais como nosso Salvador, como nosso maior amigo, como nosso mestre divino. O Sagrado Coração de Jesus é quem maior amor tem para conosco.

INÍCIO DA COROA

Sobre a Cruz do Terço se reza:
Vinde Espirito Santo enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor, enviai o vosso Espírito e tudo será criado e renovareis a face da terra.

Anuncia-se um mistério

1º Mistério: O Coração de Jesus na sua concepção e gestação.
2º Mistério: O Coração de Jesus na sua infância.
3º Mistério: O Coração de Jesus na sua vida oculta.
4º Mistério: O Coração de Jesus na sua vida apostólica.
5º Mistério: O Coração de Jesus todo dedicado aos enfermos e pecadores.


Anunciado o mistério, se diz:
JESUS MANSO E HUMILDE DE CORAÇÃO, FAZEI O NOSSO CORAÇÃO SEMELHANTE AO VOSSO.

Sobre as dez contas menores do terço, se reza:
DOCE CORAÇÃO DE JESUS / FAZEI QUE EU VOS AME CADA VEZ MAIS (10 vezes)

No fim de cada dezena:
DOCE CORAÇÃO DE MARIA SEDE A NOSSA SALVAÇÃO.

Anuncia-se o segundo mistério e se reza como acima

Após as cinco dezenas se reza a oração final
Senhor Jesus, dignai-vos aceitar a oblação dos nossos corações, em reparação de tantas e tão graves injúrias feitas ao Vosso Sagrado Coração, especialmente no santíssimo sacramento de vosso amor, e concedei-nos a graça de sentir cada vez mais, as dores, desse divino Coração, de imitar-lhe as virtudes e de merecer os seus favores. Vós que viveis e reinais pelos séculos dos séculos. Amém.




NOVENA EM HONRA AO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS

SEGUNDO DIA  -  QUINTA FEIRA  -  07/06/2012

Oração Inicial
Salve, ó coração amantíssimo e amabilíssimo de Jesus
Nós Vos amamos, bendizemos e glorificamos.
Nós Vos louvamos com os Serafins abrasados de amor.
Nós Vos exaltamos com o sublime coro dos Tronos.
Nós Vos agradecemos com todos os Anjos e Santos.
Nós Vos amamos com o Coração amantíssimo de Maria e com São José, amável esposo de Maria e Vosso Pai nutrício Nós Vos oferecemos, damos, consagramos e imolamos nosso coração.
Aceitai-o todo inteiro e abrasai-o.
Com uma só oblação nos santificaste para a eternidade.
Por um excesso de amor nos remistes com vosso precioso sangue.
Esperarei em Vós, o Coração de Jesus, e suspirarei por vossa misericórdia.
Em Vós pus as minhas esperanças e não perecerei eternamente.

REFLEXÃO:
O Sagrado Coração de Jesus é Jesus ressuscitado que caminha conosco em nossa Igreja. Naqueles três anos em que Jesus viveu no meio de seu povo, Ele realizou muitas obras maravilhosas, e as fez todas por amor. Foi por amor que ele nos ensinou todas as verdades lindas que encontramos nos Evangelhos e na proclamação de nossa fé. Foi por amor que ele curou os cegos, os coxos, os surdos, os mudos, os leprosos. Foi por amor que ele ressuscitou três mortos. Foi por amor que ele chamou os Apóstolos. Foi por infinito amor por nós que ele aceitou os sofrimentos de sua paixão e morte. Ele mesmo disse: “Ninguém tem maior amor do que aquele que dá a vida por seus amigos!” Ele deu! Por amor a nós, para sermos salvos para a vida eterna e para ganharmos o Céu. Ele viveu sua vida toda amando. Por isto nós o chamamos de Sagrado Coração de Jesus. E é por isso que queremos celebra-lo com muito amor nesta sua festa.

INÍCIO DA COROA

Sobre a Cruz do Terço se reza:
Vinde Espirito Santo enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor, enviai o vosso Espírito e tudo será criado e renovareis a face da terra.

Anuncia-se um mistério
1. Mistério: O Coração de Jesus na sua agonia no jardim das Oliveiras.
2. Mistério: O Coração de Jesus saturado de opróbrios na coroação de espinhos
3. Mistério: O Coração de Jesus, oprimido de dores.
4. Mistério: O Coração de Jesus abandonado pelos seus amigos e pelo próprio Pai
5. Mistério: O coração de Jesus transpassado pela lança

Anunciado o mistério, se diz:
JESUS MANSO E HUMILDE DE CORAÇÃO, FAZEI O NOSSO CORAÇÃO SEMELHANTE AO VOSSO.

Sobre as dez contas menores do terço, se reza:
DOCE CORAÇÃO DE JESUS / FAZEI QUE EU VOS AME CADA VEZ MAIS (10 vezes)

No fim de cada dezena:
DOCE CORAÇÃO DE MARIA SEDE A NOSSA SALVAÇÃO.

Anuncia-se o segundo mistério e se reza como acima depois do 1º mistério

Após as cinco dezenas se reza a oração final
Senhor Jesus, dignai-vos aceitar a oblação dos nossos corações, em reparação de tantas e tão graves injúrias feitas ao Vosso Sagrado Coração, especialmente no santíssimo sacramento de vosso amor, e concedei-nos a graça de sentir cada vez mais, as dores, desse divino Coração, de imitar-lhe as virtudes e de merecer os seus favores. Vós que viveis e reinais pelos séculos dos séculos. Amém.




NOVENA EM HONRA AO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS


TERCEIRO  DIA  -  SEXTA FEIRA  -  08/06/2012

Oração Inicial
Salve, ó coração amantíssimo e amabilíssimo de Jesus
Nós Vos amamos, bendizemos e glorificamos.
Nós Vos louvamos com os Serafins abrasados de amor.
Nós Vos exaltamos com o sublime coro dos Tronos.
Nós Vos agradecemos com todos os Anjos e Santos.
Nós Vos amamos com o Coração amantíssimo de Maria e com São José, amável esposo de Maria e Vosso Pai nutrício Nós Vos oferecemos, damos, consagramos e imolamos nosso coração.
Aceitai-o todo inteiro e abrasai-o.
Com uma só oblação nos santificaste para a eternidade.
Por um excesso de amor nos remistes com vosso precioso sangue.
Esperarei em Vós, o Coração de Jesus, e suspirarei por vossa misericórdia.
Em Vós pus as minhas esperanças e não perecerei eternamente.

REFLEXÃO:
Jesus ressuscitado, a quem chamamos de Sagrado Coração de Jesus, continua nos amando com amor divino, com amor de salvação, com amor de verdadeiro amigo, muito interessado por nós, para o nosso bem e felicidade. Jesus continua nos amando, permanecendo conosco, no dia a dia de nossa vida, toda vez que paramos para lhe dar atenção, para orar por um momento. Ele disse: “Eu estarei convoco todos os dias”. Ele está presente quando nós nos reunimos em oração”. Ele disse: “Quando dois ou mais estiverem reunidos em meu nome, eu estarei no meio deles”. Ele continua a nos falar, aconselhar, orientar, corrigir, toda vez que abrirmos a Bíblia nos seus Evangelhos. Ele continua a nos amar por sua presença na Eucaristia, onde se encontra realmente presente. Basta levarmos estas verdades ao nosso coração, e nós estaremos sendo amados todos os dias, e podemos retribuir-lhe com o nosso amor e nossa vida bem vivida.

INÍCIO DA COROA

Sobre a Cruz do Terço se reza:
Vinde Espirito Santo enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor, enviai o vosso Espírito e tudo será criado e renovareis a face da terra.

Anuncia-se um mistério
1. Mistério: O Coração de Jesus abrasado de infinito amor e digno de ser amado.
2. Mistério: O Coração de Jesus solitário no tabernáculo , vivendo sempre para interceder por nós.
3. Mistério: O Coração de Jesus, Hóstia viva.
4 Mistério: O Coração de Jesus dilacerado pelos homens
no Santíssimo Sacramento de amor.
5 Mistério: Demos graças ao Coração Eucarístico de Jesus e,
em união com Ele, ao Pai celestial.

Anunciado o mistério, se diz:
JESUS MANSO E HUMILDE DE CORAÇÃO, FAZEI O NOSSO CORAÇÃO SEMELHANTE AO VOSSO.

Sobre as dez contas menores do terço, se reza:
DOCE CORAÇÃO DE JESUS / FAZEI QUE EU VOS AME CADA VEZ MAIS (10 vezes)

No fim de cada dezena:
DOCE CORAÇÃO DE MARIA SEDE A NOSSA SALVAÇÃO.

Anuncia-se o segundo mistério e se reza como acima depois do 1º mistério

Após as cinco dezenas se reza a oração final
Senhor Jesus, dignai-vos aceitar a oblação dos nossos corações, em reparação de tantas e tão graves injúrias feitas ao Vosso Sagrado Coração, especialmente no santíssimo sacramento de vosso amor, e concedei-nos a graça de sentir cada vez mais, as dores, desse divino Coração, de imitar-lhe as virtudes e de merecer os seus favores. Vós que viveis e reinais pelos séculos dos séculos. Amém.





NOVENA EM HONRA AO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS

QUARTO  DIA  -  SÁBADO  -  09/06/2012


Oração Inicial

Salve, ó coração amantíssimo e amabilíssimo de Jesus
Nós Vos amamos, bendizemos e glorificamos. 
Nós Vos louvamos com os Serafins abrasados de amor. 
Nós Vos exaltamos com o sublime coro dos Tronos. 
Nós Vos agradecemos com todos os Anjos e Santos. 
Nós Vos amamos com o Coração amantíssimo de Maria e com São José, amável esposo de Maria e Vosso Pai nutrício Nós Vos oferecemos, damos, consagramos e imolamos nosso coração. 
Aceitai-o todo inteiro e abrasai-o. 
Com uma só oblação nos santificaste para a eternidade. 
Por um excesso de amor nos remistes com vosso precioso sangue. 
Esperarei em Vós, o Coração de Jesus, e suspirarei por vossa misericórdia. 
Em Vós pus as minhas esperanças e não perecerei eternamente. 


REFLEXÃO:
O Coração de Jesus continua nos amando por meio da sua e nossa Igreja. Ele está presente na Eucaristia, nos Evangelhos, na comunidade reunida, nos sacramentos. O Coração de Jesus se utiliza de muitos meios para nós amar. É por meio dos sacerdotes que ele nos ama, quando perdoa sempre de novo os nossos pecados na confissão. É por meio deles que ele nos ama quando se faz presente sobre o altar na santa missa, para que nós possamos oferecer o seu corpo e sangue ao Pai celeste e para que possamos comungá-lo. É pelos sacerdotes que ele batiza e faz dos pagãos filhos de Deus. É por meio do bispo que na Crisma, ele dá o Espírito Santo. É pelos ministros que ele abençoa os matrimônios, que visita e abençoa os doentes. É por amor que Jesus realiza todas as obras na Igreja. Porque tem um grande amor por nós é que ele se faz presente na Igreja, atuando de tantas maneiras maravilhosas. É por todo esse amor para conosco que o celebramos como Sagrado Coração de Jesus.

INÍCIO DA COROA

Sobre a Cruz do Terço se reza:
Vinde Espirito Santo enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor, enviai o vosso Espírito e tudo será criado e renovareis a face da terra.

Anuncia-se um mistério
1º Mistério: O Coração de Jesus Filho do Pai eterno
2º Mistério: O Coração de Jesus unido substancialmente ao Verbo de Deus
3º Mistério: O Coração de Jesus de majestade infinita
4º Mistério: O Coração de Jesus templo santo de Deus
5º Mistério: O Coração de Jesus tabernáculo do altíssimo Deus

Anunciado o mistério, se diz:
JESUS MANSO E HUMILDE DE CORAÇÃO, FAZEI O NOSSO CORAÇÃO SEMELHANTE AO VOSSO.

Sobre as dez contas menores do terço, se reza:
DOCE CORAÇÃO DE JESUS / FAZEI QUE EU VOS AME CADA VEZ MAIS (10 vezes)

No fim de cada dezena:
DOCE CORAÇÃO DE MARIA SEDE A NOSSA SALVAÇÃO.

Anuncia-se o segundo mistério e se reza como acima depois do 1º mistério
Após as cinco dezenas se reza a oração final
Senhor Jesus, dignai-vos aceitar a oblação dos nossos corações, em reparação de tantas e tão graves injúrias feitas ao Vosso Sagrado Coração, especialmente no santíssimo sacramento de vosso amor, e concedei-nos a graça de sentir cada vez mais, as dores, desse divino Coração, de imitar-lhe as virtudes e de merecer os seus favores. Vós que viveis e reinais pelos séculos dos séculos. Amém.





NOVENA EM HONRA AO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS


QUINTO  DIA DOMINGO - 10/06/2012

Oração Inicial
Salve, ó coração amantíssimo e amabilíssimo de Jesus
Nós Vos amamos, bendizemos e glorificamos.
Nós Vos louvamos com os Serafins abrasados de amor.
Nós Vos exaltamos com o sublime coro dos Tronos.
Nós Vos agradecemos com todos os Anjos e Santos.
Nós Vos amamos com o Coração amantíssimo de Maria e com São José, amável esposo de Maria e Vosso Pai nutrício Nós Vos oferecemos, damos, consagramos e imolamos nosso coração.
Aceitai-o todo inteiro e abrasai-o.
Com uma só oblação nos santificaste para a eternidade.
Por um excesso de amor nos remistes com vosso precioso sangue.
Esperarei em Vós, o Coração de Jesus, e suspirarei por vossa misericórdia.
Em Vós pus as minhas esperanças e não perecerei eternamente.




REFLEXÃO:
O Sagrado Coração de Jesus nos ama de forma maravilhosa e muito abençoada por meio da Santa Missa. Jesus criou uma forma maravilhosa para nos deixar realmente presente o seu sacrifício oferecido ao Pai na cruz, a fim de podermos oferecê-lo em cada Santa Missa. Que oferta maior poderíamos oferecer a Deus Pai do que o Corpo e o Sangue de Jesus, do que sua paixão e morte de cruz, do que o dom da vida de Jesus sacrificada na cruz? Pois bem. Jesus torna presente tudo isto sobre o altar na hora do milagre da Consagração, para que ele possa se oferecer ao Pai, novamente, e para que nós possamos oferecê-lo ao Pai como nossa oferta. O maior ato de amor do Coração de Jesus para com o Pai e para conosco foi a sua Paixão e Morte de Cruz. Este ato de amor, com a sua paixão e morte se tornam misteriosa e maravilhosamente presente em cada Santa Missa. Na Missa, nós nos tornamos as pessoas mais ricas do mundo diante de Deus, por termos em nossas mãos o sacrifício de Jesus realizado na cruz para oferecer. Nada agrada mais a Deus do que essa oferta na Missa. Prometamos ao Coração de Jesus de participar da Santa Missa todos os domingos, ou até todas as vezes que for viável.

INÍCIO DA COROA

Sobre a Cruz do Terço se reza:
Vinde Espirito Santo enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor, enviai o vosso Espírito e tudo será criado e renovareis a face da terra.

Anuncia-se um mistério
1º Mistério: O Coração de Jesus fornalha ardente de caridade
2º Mistério: O Coração de Jesus cheio de bondade e de amor
3º Mistério: O Coração de Jesus abismo de todas as virtudes
4º Mistério: O Coração de Jesus paciente e misericordioso
5º Mistério: O Coração de Jesus fonte de vida e santidade

Anunciado o mistério, se diz:
JESUS MANSO E HUMILDE DE CORAÇÃO, FAZEI O NOSSO CORAÇÃO SEMELHANTE AO VOSSO.

Sobre as dez contas menores do terço, se reza:
DOCE CORAÇÃO DE JESUS / FAZEI QUE EU VOS AME CADA VEZ MAIS (10 vezes)

No fim de cada dezena:
DOCE CORAÇÃO DE MARIA SEDE A NOSSA SALVAÇÃO.

Anuncia-se o segundo mistério e se reza como acima depois do 1º mistério

Após as cinco dezenas se reza a oração final
Senhor Jesus, dignai-vos aceitar a oblação dos nossos corações, em reparação de tantas e tão graves injúrias feitas ao Vosso Sagrado Coração, especialmente no santíssimo sacramento de vosso amor, e concedei-nos a graça de sentir cada vez mais, as dores, desse divino Coração, de imitar-lhe as virtudes e de merecer os seus favores. Vós que viveis e reinais pelos séculos dos séculos. Amém.